Número verde: 800 108 675

O Homem da Guitarra - ID1022
O Homem da Guitarra O Homem da Guitarra
Teatro Carlos Alberto 6-16 Jul 2017
qua+sáb 19:00 qui+sex 21:00 dom 16:00

Veio para uma “cidade tão ao norte do mundo” por causa de uma mulher e ficou por causa de um filho. Nunca foi “bom em coisa nenhuma”. Toca guitarra e canta “as canções dos outros” numa passagem subterrânea para pessoas que nem sempre querem ouvir, que se afastam com vergonha – dele ou de si próprias? De regresso à obra do dramaturgo norueguês Jon Fosse, depois de em 2013 ter encenado com Diogo Dória Sou o Vento, Manuel Wiborg faz-se acompanhar de Adriano Sérgio (músico, também artesão e construtor de guitarras) para partilhar connosco O Homem da Guitarra, monólogo pungente sobre um homem de meia-idade que põe em perspetiva uma vida, sonhos desfeitos, o fracasso, a reconciliação possível consigo mesmo. “No seu desânimo, no seu cansaço, na sua extrema solidão, no seu lúcido acerto de contas no gume da navalha, entre o desespero suicida e o consolo da esperança mística, porque nos toca, porque nos emociona, que reconhecimento desperta em nós?”, pergunta o tradutor, Pedro Porto Fernandes. As cordas que este músico vai desapertando na sua guitarra – não ficam elas a vibrar dentro de nós?

de 

Jon Fosse

encenação

Manuel Wiborg

tradução 

Pedro Porto Fernandes

cenografia e figurinos

Luis Mouro

desenho de luz

Nuno Meira

fotografia

Álvaro Rosendo

assistência de encenação e produção

Inês Vaz

interpretação

Manuel Wiborg (ator), Adriano Sérgio (músico)

coprodução

Teatro do Interior, São Luiz Teatro Municipal, TNSJ

dur. aprox.

1:00

M/12 anos

Informamos os espectadores de O Homem da Guitarra que se fuma em cena, durante a representação.

Material de Apoio

Documentos

Doumento PDF

Programa de sala O Homem da Guitarra.pdf