Número verde: 800 108 675

Os Juramentos Indiscretos Os Juramentos Indiscretos
Teatro Carlos Alberto 8-18 Mar 2012
quarta-feira a sábado 21:30 domingo 16:00

O Teatro dos Aloés visitou-nos pela primeira vez em 2010, trazendo na bagagem textos de David Harrower (Facas nas Galinhas) e Athol Fugard (Canção do Vale). Agora, promove dentro das nossas portas a estreia de Os Juramentos Indiscretos (1732), comédia em cinco atos que é um testemunho vivo da genialidade dramática de um autor conhecido pela sua muito particular “metafísica do coração”. Observador atento da alma humana e de todas as cavidades onde escondemos o amor quando receamos mostrá-lo, Marivaux legou-nos esta preciosa indiscrição: “Todas as minhas comédias têm como objetivo fazer sair o amor desta espécie de prisão”. Os Juramentos Indiscretos coloca em cena dois jovens, Damis e Lucile, que começam por elaborar um estratagema que impeça um casamento imposto pelos seus pais. Mas as suas intenções são frustradas, porquanto qualquer sentimento negado no primeiro ato se vem a revelar numa paixão intensa ao longo da peça. Como é que o amor nasce e se esconde? Como transformar o palco no lugar onde o fingimento gera uma verdade? Como inscrever numa história do séc. XVIII a angústia e a alegria dos corpos de hoje? Para responder a estes e outros pontos de interrogação, o encenador José Peixoto e a sua trupe regressam ao Porto.

de

Marivaux

tradução

Maria João Brilhante

encenação

José Peixoto

cenografia e figurinos

Marta Carreiras

música

Luís Cília

desenho de luz

Jochen Pasternacki

interpretação

Adriana Moniz, Carla Chambel, Carlos Malvarez, Jorge Silva, José Peixoto, Nuno Nunes, Sara Cipriano

coprodução

Teatro dos Aloés, TNSJ

dur. aprox.

2:00 com intervalo

M/12 anos

Material de Apoio

Documentos

Doumento PDF

Programa Os Juramentos Indiscretos.pdf

Os Juramentos Indiscretos

Divulgação

Sugestão

Sugira a um Amigo

O seu Nome

O seu Email

Emails dos Destinatários

Comentário

Imprimir Espectáculo

Icon de Página de Impressão