Número verde: 800 108 675

A Boda
A Boda A Boda
Centro
Cultural
de Belém 23-28 Mar 2019

O noivo orgulhoso anuncia que, com as suas próprias mãos, construiu os móveis da casa nova – os que se compram já feitos “não têm alma”. Ele quis impregnar com o seu amor e o seu suor a construção da felicidade conjugal. Um “felizes para sempre” que desde logo já nasce defeituoso, tal como os móveis que, um a um, se hão de escangalhar no decorrer da ação, acabando por tornar‐se obsoletos e sobretudo inúteis. Nesta comédia da juventude de Brecht, a celebração ganha contornos grotescos. Os objetos da casa, acompanhando os silêncios constrangedores e os desconfortos familiares, parecem dar eco a uma felicidade cheia de brechas. O canapé que se racha no fim da dança, as cadeiras mal talhadas que obrigam todos a ficar de pé e a própria mesa que apenas resiste em apenas três pernas, desmascaram a falida harmonia das relações. A Boda não tem o esperado final feliz, o jantar come‐se, o vinho bebe‐se e, no fim, como os móveis, a luz não funciona, como não funciona a ilusão da felicidade. Rompendo‐se o “faz de conta”, sobra uma noiva grávida e chorosa, um noivo enraivecido e o resto do vinho nos copos – as regras postiças que mantêm as relações nos eixos deram de si e vieram à tona as intrigas de uma burguesia de costumes e credos falhados.

de

Bertolt Brecht

tradução

Jorge Silva Melo, Vera San Payo de Lemos

encenação

Ricardo Aibéo

cenografia

Cláudia Lopes Costa

guarda-roupa

colaboração coletiva

desenho de luz

Rui Seabra

interpretação

David Almeida, Dinis Gomes, Duarte Guimarães, Ivo Alexandre, Luís Lima Barreto, Márcia Breia, Rita Durão, Rita Loureiro, Sofia Marques

coprodução

Centro Cultural de Belém, TNSJ

estreia

23Mar2019 Centro Cultural de Belém (Lisboa)

dur. aprox. 

1:30

M/12 anos

.

Divulgação

Sugestão

Sugira a um Amigo

O seu Nome

O seu Email

Emails dos Destinatários

Comentário

Imprimir Espectáculo

Icon de Página de Impressão