Teatro S√£o Jo√£o

Longa Jornada Para a Noite

de Eugene O’Neill
encenação Ricardo Pais
_
Ensemble ‚Äď Sociedade de Actores, Teatro Nacional S√£o Jo√£o

Longa Jornada Para a Noite

Descrição

Eugene O‚ÄôNeill comp√īs esta ‚Äúpe√ßa de antigas penas, escrita a l√°grimas e sangue‚ÄĚ entre 1939 e 1941, mas a autobiogr√°fica Longa Jornada Para a Noite s√≥ seria publicada e representada postumamente, em 1956, a pedido do autor. √Č como se ele fizesse suas as palavras de Jamie, um dos quatro membros da fam√≠lia Tyronne: ‚ÄúN√£o consigo esquecer o passado. Esse √© que √© o inferno.‚ÄĚ O cr√≠tico Harold Bloom notou que ‚Äúnenhum dramaturgo americano igualou O‚ÄôNeill na descri√ß√£o das tormentosas realidades que afligem a vida familiar no mundo ocidental‚ÄĚ. Para companheiros de estrada desta Longa Jornada, o Ensemble convocou um conjunto de nomes indissoci√°veis da nossa identidade art√≠stica. Da tradutora Lu√≠sa Costa Gomes ao encenador Ricardo Pais, da atriz Em√≠lia Silvestre aos atores Jo√£o Reis e Pedro Almendra. Um ensemble capaz de conferir espessura a estas criaturas a um tempo vulner√°veis e implac√°veis, sarc√°sticas e melanc√≥licas, gagas e eloquentes. ‚ÄúGaguejar √© a eloqu√™ncia nativa da nossa gente, o povo do nevoeiro.‚ÄĚ

Créditos

de Eugene O’Neill encenação Ricardo Pais

tradu√ß√£o Lu√≠sa Costa Gomes cenografia Pedro Tudela m√ļsica Ricardo Pinto desenho de som Joel Azevedo desenho de luz Filipe Pinheiro figurinos Bernardo Monteiro assist√™ncia de encena√ß√£o David Salvado

interpretação Emília Silvestre, Joana Africano, João Reis, Pedro Almendra, Simão do Vale Africano

coprodu√ß√£o Ensemble ‚Äď Sociedade de Actores, Teatro Nacional S√£o Jo√£o

dur. aprox. 2:00 M/14 anos


Espetáculo legendado em inglês
Conversa com o Rui 23 Abr