Labirinto de obsess玫es

JOANA PROVID脢NCIA*

Entrar no edif铆cio da Alf芒ndega do Porto para ver um espect谩culo encenado por Corsetti 茅 j谩 por si um maravilhoso e promissor ind铆cio de que vamos usufruir de um momento 煤nico e inquietante. Corsetti 茅 um encenador que assenta a dramaturgia das suas pe莽as na arquitectura do espa莽o/cena e numa interpreta莽茫o de grande presen莽a, atrav茅s da qual os int茅rpretes nos questionam com intensidade e for莽a, indelevelmente associadas 脿 sua enorme disponibilidade f铆sica.

Em Corsetti, a palavra 茅 corpo e o corpo 茅 nervo e entranhas. A dramaturgia 茅 espa莽o e o espa莽o d谩 sentido ao texto. 脡 neste contexto que pensar Il Processo de Kafka no espa莽o da Alf芒ndega, com a sua enorme escala, a sua monumentalidade e a esmagadora presen莽a de granito, nos faz antever um vertiginoso estremecimento.

Lembro-me de que ao percorrer aqueles enormes corredores, com uma altura que nos apequena, nos fomos deparando com uns grandes televisores, pousados ao longo de uma das paredes laterais, por onde circulavam, r谩pidas e furtivas, ratazanas negras. Ainda antes de entrar na sala j谩 se respirava e pressentia Il Processo no seu labirinto de obsess玫es, no seu universo de percep莽玫es distorcidas de uma realidade poss铆vel.

N茫o me lembro pormenorizadamente, mas tenho muito presente a ideia de um espect谩culo que me fez sentir viva, atirando-me para dentro da ac莽茫o, onde o medo, o pesadelo e a d煤vida alcan莽avam zonas de um absurdo hilariante. Atrav茅s de recursos cenogr谩ficos que materializavam essas sensa莽玫es, como a movimenta莽茫o da bancada que ao longo do espect谩culo nos foi reposicionando na cena, criando novos espa莽os, e fazendo-nos entranhar uma percep莽茫o labir铆ntica da mesma; ou o mecanismo que verticalizava a secret谩ria de Joseph K., desafiando a gravidade, alterando a perspectiva e criando um novo plano de uma forma inteiramente inesperada.

Tenho gratas saudades das encena莽玫es de Giorgio Barberio Corsetti. A primeira vez que contactei com o seu trabalho talvez tenha sido nos Encontros ACARTE鈥89, tendo Il Processo sido apresentado no PoNTI鈥99. Em 2019, resta-me aproveitar este convite para relembrar comovidamente o seu trabalho, que tem uma identidade muito pr贸pria e que sem d煤vida me marcou e enriqueceu.

*Core贸grafa.

15-18 Dezembro 1999
Alf芒ndega Nova do Porto

Il Processo

de Franz Kafka
encena莽茫o Giorgio Barberio Corsetti
coprodu莽茫o Compagnia Teatrale di Giorgio Barberio Corsetti, Teatro Biondo Stabile di Palermo, Fondazione Teatro Stabile dell鈥橴mbria
Festival PoNTI

_

in O Elogio do Espectador: 100 espet谩culos, 100 testemunhos, 100 fotografias Cadernos do Centen谩rio | 1

_

fotografia Jo茫o Tuna