Número verde: 800 108 675

Leituras no Mosteiro - ID1027
Leituras no Mosteiro Leituras no Mosteiro
Mosteiro São Bento da Vitória 18 Abr-20 Jun 2017
Centro de Documentação
ter 21:00

Última etapa francófona das Leituras no Mosteiro. Houve Genet e depois houve Ionesco, mas a despedida faz-se na companhia de Bernard-Marie Koltès (1948-1989), escritor que viveu rápido, morreu jovem e se afirmou num momento crítico, as décadas de 1970 e 80, em que a tendência generalizada era a extinção do autor, a sua expulsão do texto e também do teatro. Romancista adiado, Koltès cultivou um teatro da palavra, habitado por personagens marginais e desenraizadas que se passeiam com os seus enigmas, falando numa língua obscura sobre a solidão, o desejo, o medo, o amor e o ódio. Atravessamos-lhe a obra entre os meses de abril e junho, numa viagem que começa “na hora em que os guardas, cansados do silêncio e da escuridão, são por vezes vítimas de alucinação” (Roberto Zucco, 1989), prosseguimos no interior de um barracão desativado de uma grande cidade portuária, “tão escuro, que é impossível dizer quem segue quem” (Cais Oeste, 1985) e terminamos “às voltas” numa cidade estranha, “à procura de alguém que seja como um anjo no meio desta merda toda” (A Noite Antes da Floresta, 1988).

coordenação

Nuno M Cardoso, Paula Braga

organização

TNSJ

Bernard-Marie Koltès

18 abr | Roberto Zucco

16 mai | Cais Oeste

20 jun | A Noite Antes da Floresta