Decameron

LEITURAS DE QUARENTENA | TRANSMISSÃO ONLINE

.

de Giovanni Boccaccio

direção Nuno Cardoso

Decameron

Descrição

Nas quatro sess√Ķes que comp√Ķem estas Leituras de Quarentena, a nossa companhia quase residente oferece-nos uma esp√©cie de s√ļmula do Decameron, de Giovanni Boccaccio. Escrita entre 1348 e 1353, em pleno surto da Peste Negra que come√ßara a assolar a √Āsia e a Europa em 1347, esta obra √© constitu√≠da por 100 novelas, narradas em dez dias por dez jovens (sete mulheres e tr√™s homens) durante o seu retiro no campo, fugidos √† doen√ßa que dizimava Floren√ßa. Realista documento de √©poca e exemplar fresco das idiossincrasias humanas, Decameron entreabre um mundo novo, ao romper com a tradi√ß√£o medieval, inicia a prosa de fic√ß√£o ocidental e assinala a raiz comum da nossa cultura: ‚ÄúContar hist√≥rias, de modo que um de n√≥s pode dar prazer a todos os outros que o ouvem.‚ÄĚ Ontem como hoje, disseminamos a linha da palavra para espantar a solid√£o e o medo e para celebrar a vida.

TRANSMISSÃO ONLINE A PARTIR DE
[VIMEO - ENTRADA PARA A SALA ONLINE AQUI] (https://vimeo.com/showcase/tnsj)

27-30 abril 2020
seg-qui 22:00
Joana Carvalho (sétima jornada, primeira novela) Afonso Santos (nona jornada, décima novela) João Melo (oitava jornada, oitava novela) Maria Leite (terceira jornada, décima novela)

Créditos

de Giovanni Boccaccio direção Nuno Cardoso

com Afonso Santos (nona jornada, décima novela), Joana Carvalho (quarta jornada, quinta novela; sétima jornada, primeira novela), João Melo (oitava jornada, oitava novela), Maria Leite (terceira jornada, décima novela), Mário Santos(terceira jornada, primeira novela), Rodrigo Santos (oitava jornada, segunda novela)

edição vídeo Fábio Coelho

dur. aprox. de cada novela 10’ M/16 anos