Teatro Municipal Joaquim Benite

Suécia

de Pedro Mexia
encenação Nuno Cardoso

Suécia

Descrição

‚ÄúNa Su√©cia dizem que n√£o √© preciso distanciamento social, porque isso √© ser sueco‚ÄĚ, disse recentemente Pedro Mexia, que tem um antigo fasc√≠nio por esse pa√≠s escandinavo. Su√©cia ‚Äď obra que marca a sua estreia como dramaturgo ‚Äď joga com a suspeita de que todos temos ‚Äúuma certa ideia‚ÄĚ da Su√©cia. Uma mitologia difusa, digamos: o pa√≠s ‚Äúmetaf√≠sico-angustiado‚ÄĚ dos filmes de Bergman, o para√≠so (perdido?) da social-democracia, mas tamb√©m a p√°tria do infernal Strindberg ou dos a√ßucarados ABBA. A pe√ßa transporta-nos para o rescaldo das elei√ß√Ķes de setembro de 1976, que ditaram o fim de meio s√©culo ininterrupto de governa√ß√£o do Partido Social-Democrata. As elei√ß√Ķes coincidem com o casamento de Monika, filha de Egerman, um intelectual sexagen√°rio e amargo, ‚Äúretirado do mundo‚ÄĚ, que n√£o esconde o seu contentamento com o fim desse consulado. Com encena√ß√£o de Nuno Cardoso, Su√©cia √© um lugar onde se discute sobre a ideia de futuro, o fim das ilus√Ķes, as boas inten√ß√Ķes. Um lugar onde as linhas de fronteira entre o p√ļblico e o privado, o pol√≠tico e o √≠ntimo se tornam indistintas.

Créditos

de Pedro Mexia encenação Nuno Cardoso

assist√™ncia de encena√ß√£o e apoio dramat√ļrgico Mafalda Lencastre cenografia F. Ribeiro m√ļsica Pedro ‚ÄúPeixe‚ÄĚ Cardoso desenho de luz C√°rin Geada figurinos TNSJ

interpretação António Fonseca, Joana Carvalho, Jorge Mota, Lisa Reis, Patrícia Queirós, Paulo Freixinho, Pedro Frias

produção Teatro Nacional São João M/12 anos

Sess√Ķes

Teatro Municipal Joaquim Benite

Av. Prof. Egas Moniz 26B, 2800-067 Almada, Portugal · Google Maps · Apple Maps · OpenStreetMap
· qua · 20:00
· qui · 20:00