Mosteiro S茫o Bento da Vit贸ria

Tartufo

de Moli猫re

dramaturgia e encena莽茫o Carlos J. Pessoa

_

Teatro da Garagem

Tartufo

Descri莽茫o

H谩 um Moli猫re que subitamente se atravessa no caminho do Teatro da Garagem. Uma alegre anomalia, se pensarmos que a companhia n茫o pratica um teatro de repert贸rio, escorando antes a sua identidade art铆stica nos textos do dramaturgo e encenador Carlos J. Pessoa. E porqu锚 Moli猫re? E porqu锚 Tartufo (1664), medita莽茫o sobre a mentira e a hipocrisia, mas tamb茅m sobre a ess锚ncia do teatro, essa m谩quina infernal de produzir impostura? Com Tartufo, o Teatro da Garagem convida o espectador a revisitar um texto cl谩ssico, aqui na tradu莽茫o da poeta Regina Guimar茫es, com o pudor de quem reaprende a ler, incentivando-nos a construir pontes entre o passado, o presente e o futuro. 鈥淨uando 茅 que somos mais enganados? Quando somos tartufos ou quando somos tartufiados?鈥, pergunta-nos Carlos J. Pessoa. Num espet谩culo de texto e de atores, o encenador olha para o cl谩ssico de Moli猫re e descobre um teatro ign贸bil que corre no sangue de todas as personagens. Um teatro onde n茫o h谩 her贸is nem vil玫es, mas criaturas que produzem e combatem a pestil锚ncia, imersas na paranoia de se limparem ou purificarem. 鈥淓staremos condenados 脿 intoxica莽茫o pela tartufice?鈥

Cr茅ditos

de Moli猫re dramaturgia e encena莽茫o Carlos J. Pessoa tradu莽茫o Regina Guimar茫es

m煤sica e sonoplastia Daniel Cervantes cenografia e figurinos S茅rgio Loureiro desenho de luz Nuno Samora assist锚ncia de encena莽茫o Ana Palma dire莽茫o de produ莽茫o Raquel Matos

interpreta莽茫o Ana Palma, Joana Raio, Miguel Dami茫o, Paula S贸, S茅rgio Silva, Susana Blazer

coprodu莽茫o Teatro da Garagem, Teatro Nacional S茫o Jo茫o apoio C芒mara Municipal de Lisboa, EGEAC 鈥 Programa莽茫o em Espa莽o P煤blico, Junta de Freguesia de Santa Maria Maior

dur. aprox. 1:40 M/12 anos