Teatro Carlos Alberto

Ciclo Outro Shakespeare

Descri莽茫o

No Teatro Nacional S茫o Jo茫o, os cl谩ssicos n茫o s茫o obras fechadas, o repert贸rio 茅 um manancial de declina莽玫es. Nos tr锚s espet谩culos que comp玫em o ciclo Outro Shakespeare, a sombra do Bardo 茅 omnipresente, mas obl铆qua. Cada um dos encenadores trabalha as pe莽as sob um 芒ngulo muito pr贸prio, revelando-lhes novas facetas e arestas. Marco Paiva tira lastro do reposit贸rio da L铆ngua Gestual Portuguesa e Espanhola para conferir um inusitado corpo a Ricardo III, a palavra preterida 脿 pot锚ncia do gesto. Em Hamlet, L鈥橝nge du Bizarre, Miguel Moreira prop玫e-nos um Hamlet indefin铆vel, um anjo do bizarro, t茫o fat铆dico e sombrio como uma personagem de Edgar Allan Poe. Outra Tempestade, uma encena莽茫o de Carlos J. Pessoa, oferece horizonte 脿 煤ltima das pe莽as de Shakespeare, A Tempestade, que Aim茅 C茅saire transfigurara j谩 num c芒ntico de liberdade da negritude. Em Outro Shakespeare abre-se um princ铆pio de possibilidades.